Marketing Multinível Digital

Como Criar um Funil de Conversão e Vendas para Marketing Multinível

Como Criar Funil Vendas MMN

 

Quem já leu um pouco sobre funil de vendas para marketing multinível, talvez tenha achado um pouco complicado, por isso vou te explicar de uma forma bem simples:

O funil de vendas é um processo que consiste em conduzir ou acompanhar o seu cliente a partir do momento em que ele toma conhecimento de uma solução vendida pela sua empresa até o fechamento do negócio. Trata-se de um modelo estratégico que mostra cada etapa seguida pelo consumidor até fechar a compra ou cadastro.

Por exemplo, se uma pessoa que está acima do peso, deseja emagrecer para recuperar a sua autoestima, perder o peso é o estado desejado dela, é o objetivo dela.

Mas, para você conseguir fazer com que essa pessoa alcance esse objetivo, existe um caminho que ela precisa fazer para chegar lá, e é você que vai mostrar esse caminho para ela.

Você também não pode chegar na pessoa simplesmente do nada, oferecendo seu produto ou serviço, afinal, a pessoa nunca te viu antes e se você chegar oferecendo isso do nada, ela não vai ver valor nisso e não vai comprar de você.

 

Funil de Vendas – Pronto para Seu Negocio de Marketing Multinível

Seu funil de vendas deve dar pequenas escadas para a pessoa subir e ficar encorajada.

E como fazer isso? Disponibilizando muito conteúdo para essa pessoa, gravando vídeos, sem cobrar nada! Isso mesmo. Você pode estar pensando “Poxa, vou perder o maior tempo gravando vídeo, escrevendo texto e não vou ganhar nada em troca?”.

Você precisa primeiro impactar essa pessoa com conteúdo, precisa mostrar a ela que você entende do assunto e que é a melhor pessoa para ajudá-la a conquistar o objetivo dela. E a melhor forma de fazer isso é enviando conteúdos gratuitos.

LEIA TAMBÉM:  O que é WINKORE e como funciona?

Você pode criar um blog e disponibilizar um espaço para que a pessoa deixe o E-mail dela para contato. Assim, toda vez que você gravar ou escrever um novo conteúdo, ela irá receber sua Newsletter. Ou você pode criar um E-book com dicas para a pessoa emagrecer (caso esse seja o objetivo dela), por exemplo, “8 dicas para emagrecer com coaching” e disponibilizar para download. Se a pessoa for baixar, ela deixa o E-mail. Ou seja, você está convertendo pessoas em cadastros.

Depois que você perceber que essa pessoa está engajada, está consumindo seu conteúdo, é o momento da venda.

Mas nesse momento você deve oferecer algo barato pra essa pessoa. Nada de produtos caros. E sim, esse produto deve ser MUITO bom, nada de entregar algo ruim, pois é nesse momento que você vai transformar esse cadastro em cliente.

Se você for escrever um E-book para essa pessoa, grave um áudio-book junto, isso agregará valor.

A partir do momento que a pessoa “abrir a carteira”, ela já se tornou o seu cliente, e tudo que você precisa fazer daí pra frente, é manter o relacionamento com ela para fazer mais vendas, ou seja, torná-la um cliente fiel.

Depois que essa pessoa comprar esse produto baratinho de você, continue mandando conteúdos gratuitos. Após isso, você estará pronto para fazer a primeira venda do seu produto/serviço.

 

Estrutura de um Funil de Vendas para Marketing Multinível

Topo do funil

O topo é a parte mais larga do funil, também conhecido como a parte da consciência. Nessa etapa do funil, a pessoa ainda não sabe sobre uma determinada necessidade ou problema que ela possui.

LEIA TAMBÉM:  4 Dicas para Gerar Trafego para Seu Negocio de Marketing Multinível

Em outras palavras, ela não busca nenhum produto ou serviço e desconhece qualquer demanda. Por isso, ela ainda não é considerada um cliente potencial. A ideia é transformar o visitante em um comprador.

Logo, o importante nessa fase é fazer com que a pessoa descubra que tem uma necessidade e tenha interesse no seu serviço para avançar para o meio do funil.

Meio do funil

A segunda camada do funil é onde o futuro cliente já descobriu que tem um problema e busca sua solução. É o estágio em que ele tem a intenção de comprar um produto ou serviço, mas ainda está em dúvida se deve ou não contratá-lo.

Nesse momento, o futuro consumidor pesquisa mais profundamente sobre a solução das empresas e pessoas que oferecem o serviço que ela busca e decidem se vão adquirir ou não o item vendido. Quando ele se decide, ele avança para o fundo do funil.

Fundo do funil

A última parte do funil é a que o cliente potencial avalia seu produto ou serviço. Ela faz comparações com outras empresas e escolhe qual a melhor alternativa. Em seguida, ela finaliza todo o processo, realizando a compra.

 

Fontes de Trafego para o seu Funil de Vendas

 

Trafego para Funil de Vendas

 

Conclusão

Antes de construir o seu funil de vendas, tem uma coisa que você precisa fazer: focar no objetivo dele.

Onde você quer chegar com esse funil? Você quer vender mais consultorias online, quer vender o seu serviço ou cadastrar mais pessoas na sua empresa de marketing multinível?

É importante que você tenha um objetivo definido, assim suas chances de obter sucesso serão ainda maiores.

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.